quinta-feira, 27 de setembro de 2012

Um Verdadeiro [Comun]ismo - Como Desenvolver o Espírito Comunitário


INTRODUÇÃO E BREVE DEFINIÇÃO DO COMUNISMO:

De uma forma sucinta poderemos definir o comunismo como: "... uma ideologia política e socioeconômica, que pretende promover o estabelecimento de uma sociedade igualitária, sem classes sociais e apátrida, baseada na propriedade comum ..." [1]

No fundo, não há dúvida que visto desta forma, o comunismo acabaria por ser (isso porque não aconteceu) uma óptima ferramenta para igualar e colocar as pessoas na mesma posição social.
Não desejo, pois este não é o meu alvo, defender ou atacar esta ideologia marxista neste artigo, mas apenas aproveitar esta ideia e trazer aos leitores que esta ideia do comunismo é bíblica, porém recheada de Deus, ao contrário do que Marx pretendia, e deverá ser trabalhada dentro da igreja.
Se desejar conhecer um pouco mais as doutrinas comunistas e como estas não se coadunam com as Escrituras, sugiro o artigo: Porque não sou Comunista - O Comunismo à luz da Bíblia

Sendo assim, as Escrituras apresentam um modelo de um verdadeiro "comunismo" :

1) TER ALGO [TUDO] EM COMUM 
E todos os que criam estavam juntos, e tinham tudo em comum. (At 2:44)
Congregai-vos, e vinde; chegai-vos juntos, os que escapastes das nações; (Is. 45.20)
Habitualmente diz-se: "Os opostos se atraem e cargas iguais repelem-se". Na verdade é mesmo possível que assim seja em Jesus Cristo.
Desde as áreas mais simples de vida, quando nos juntamos a alguém é porque sentimos que existem coisas que nos faz chegar a algo e produz esta atracção.
Apesar da Igreja Primitiva não ser uma igreja perfeita, contudo dela podemos extrair grandes ensinamentos práticos quanto à direcção eclesiástica assim como vivência cristã prática.
Neste sentido é notável, quando as Escrituras declaram que "eles tinham tudo em comum" e mais à frente diz:
"E era um o coração e a alma da multidão dos que criam, e ninguém dizia que coisa alguma do que possuía era sua própria, mas todas as coisas lhes eram comuns."  (Atos 4:32)


2) UM DEUS, UM JESUS E UM ESPÍRITO EM COMUM
4 Ora, há diversidade de dons, mas o Espírito é o mesmo. 5 E há diversidade de ministérios, mas o Senhor é o mesmo. 6 E há diversidade de operações, mas é o mesmo Deus que opera tudo em todos. (1Cor 12.4-6 comp. vers.13)

"E o mesmo Deus de paz vos santifique em tudo; e todo o vosso espírito, e alma, e corpo, sejam plenamente conservados irrepreensíveis para a vinda de nosso SENHOR Jesus Cristo."  (1Tess 5:23)
"E ouvi uma grande voz do céu, que dizia: Eis aqui o tabernáculo de Deus com os homens, pois com eles habitará, e eles serão o seu povo, e o mesmo Deus estará com eles, e será o seu Deus."  (Apoc 21:3)


3) UM AMOR E ÂNIMO EM COMUM
"Completai o meu gozo, para que sintais o mesmo, tendo o mesmo amor, o mesmo ânimo, sentindo uma mesma coisa."  (Flp 2:2)
Se todos tiverem o mesmo tipo de amor e ânimo então isso irá se traduzir num esforço e abdicação mútua.
A palavra de Deus revela que um dos sentimentos mais nobres - o amor - se esfriará nos últimos tempos.
Cada vez menos há um espírito sacrificial em prole do próximo e principalmente aos domésticos da fé. (Gl. 6.10)
Corremos o risco de viver segundo nosso próprio ânimo e acabamos por nos tornar "amantes de nós mesmos (2Tim 3.2) 


4) UMA FÉ EM COMUM
"A Tito, meu verdadeiro filho, segundo a fé comum: Graça, misericórdia, e paz da parte de Deus Pai, e da do Senhor Jesus Cristo, nosso Salvador."  (Tt 1:4)
Isto é, para que juntamente convosco eu seja consolado pela fé mútua, assim vossa como minha. (Rm 1.12)
Até que todos cheguemos à unidade da fé, e ao conhecimento do Filho de Deus, a homem perfeito, à medida da estatura completa de Cristo, (Ef 4.13)


5) PROBLEMAS E LUTAS EM COMUM
Os verdadeiros cristão dividem suas mágoas, revelam seus sentimentos, confessam suas falhas, dão a conhecer suas dúvidas, admitem seus medos, reconhecem suas fraquezas e pedem ajuda e oração.
A Bíblia diz: Se, porém, andarmos na luz, como ele está na luz, temos comunhão uns com os outros [...] se afirmarmos que estamos sem pecado, enganamos a nós mesmos. (1Jo. 1:7,8.)

A Igreja orava por Pedro quando este estava preso.
Pedro, pois, era guardado na prisão; mas a igreja fazia contínua oração por ele a Deus. (At 12.5)

Reparemos que Pedro depois de liberto não procurou outra forma de celebrar sua libertação, senão no meio e em meio dos seus irmãos.
Há pessoas que por vezes sofrem de falta de atenção e fazem disto uma arma para atingir os outros, ou seja, todo o mundo tem que estar e rodar à volta da mesma pessoa, embora esta raramente se preocupa como quem está doente, com quem está triste, com quem está abatido. Poucos estão conseguindo levar avante um ministério que é o da consolação.
"Portanto, consolai-vos uns aos outros com estas palavras."  (1Tess 4:18)
Alegrai-vos com os que se alegram; e chorai com os que choram; (Rm 12.15)
De maneira que, se um membro padece, todos os membros padecem com ele; e, se um membro é honrado, todos os membros se regozijam com ele. (1Cor.12.26)
E de fato esteve doente, e quase à morte; mas Deus se apiedou dele, e não somente dele, mas também de mim, para que eu não tivesse tristeza sobre tristeza. (Flp 2.27)
Todavia fizestes bem em tomar parte na minha aflição. (Flp 4.14)

Também somos exortados a ...

  • Ter alegria por sofrer pelos irmãos:
Regozijo-me agora no que padeço por vós, e na minha carne cumpro o resto das aflições de Cristo, pelo seu corpo, que é a igreja; (Cl 1.24)
De maneira que nós mesmos nos gloriamos de vós nas igrejas de Deus por causa da vossa paciência e fé, e em todas as vossas perseguições e aflições que suportais; (1Tess 1.4)

  • Estar dispostos a sofrer com os que sofrem:
Lembrai-vos dos presos, como se estivésseis presos com eles, e dos maltratados, como sendo-o vós mesmos também no corpo. (Hb 13.3) comp.:
O SENHOR conceda misericórdia à casa de Onesíforo, porque muitas vezes me recreou, e não se envergonhou das minhas cadeias. (2Tm 1.16)
Portanto, não te envergonhes do testemunho de nosso SENHOR, nem de mim, que sou prisioneiro seu; antes participa das aflições do evangelho segundo o poder de Deus, (2Tm 1.8)
Sofre, pois, comigo, as aflições, como bom soldado de Jesus Cristo. (2Tm 2.3)
E a nossa esperança acerca de vós é firme, sabendo que, como sois participantes das aflições, assim o sereis também da consolação. (2Cor 1.7)


6) UM TRABALHO EM COMUM
"Eu vos enviei a ceifar onde vós não trabalhastes; outros trabalharam, e vós entrastes no seu trabalho."  (Jo 4:38)
"Ora, o que planta e o que rega são um; mas cada um receberá o seu galardão segundo o seu trabalho."  (1Cor 3:8)
"Porque Deus não é injusto para se esquecer da vossa obra, e do trabalho do amor que para com o seu nome mostrastes, enquanto servistes aos santos; e ainda servis."  (Hb 6:10)

Quando nos tornamos membros e decidimos assumir esta responsabilidade diante de Deus e dos homens, revelamos que queremos contribuir com tudo o que for necessário, para avanço daquele trabalho.


7) NECESSIDADES FINANCEIRAS E FÍSICAS EM COMUM
1 TAMBÉM, irmãos, vos fazemos conhecer a graça de Deus dada às igrejas da Macedônia; 2  porque, no meio de muita prova de tribulação, manifestaram abundância de alegria, e a profunda pobreza deles superabundou em grande riqueza da sua generosidade. 3 Porque, segundo o seu poder (o que eu mesmo testifico) e ainda acima do seu poder, deram voluntariamente. 4 Pedindo-nos com muitos rogos que aceitássemos a graça e a comunicação deste serviço, que se fazia para com os santos. (2Cor 8.1-4)
"Quem, pois, tiver bens do mundo, e, vendo o seu irmão necessitado, lhe cerrar as suas entranhas, como estará nele o amor de Deus?"  (I João 3 : 17)

15  E, se o irmão ou a irmã estiverem nus, e tiverem falta de mantimento quotidiano, 16  E algum de vós lhes disser: Ide em paz, aquentai-vos, e fartai-vos; e não lhes derdes as coisas necessárias para o corpo, que proveito virá daí? (Tg 2.15,16)

Tiago revela que é anti-cristão saber que um irmão passa necessidades físicas e nós como hipócritas religiosas não querendo abrir mão do nosso conforto e de alguma coisa, apenas oramos por ele. Há pessoas que amam muito os seus irmãos em Cristo, logo que isso não os faça por a mão ao bolso
É nestas alturas que orar torna-se mais fácil do que abrir a mão, no entanto acabamos por não demonstrar nossa verdadeira fé.

Então você, é COMUNISTA ?

Fontes de consulta:
[1] Wikipedia
Receba nossos artigos em seu email:


Delivered by FeedBurner

4 comentários:

  1. Ola! Adorei seu blog !
    Se puder, participa lah no meu, por favor! http://artigoscamilalopes.blogspot.com.br/

    =))

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Camila.
      Quero agradecer-lhe sua passagem pelo meu blog e também o comentário de apreciação deixado.
      Passarei com certeza pelo seu blog.
      Um abraço. Fique na paz.

      Eliminar
  2. Seu blog é uma bênção, estou encantada com seu trabalho. Parabéns. Quando puder venha tomar um café comigo e ser um seguidor do blog ensinando os pequeninos. Já estou te seguindo pra não perder nada. Fica na paz

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Paz Tia Rose.
      É um prazer tê-la por cá. Agradeço as suas palavras. Dou graças a Deus pela Sua orientação, afim de escrever estas breves notas em meu blog.
      Fico muito feliz porque por este meio, Deus tem tocado em seu coração.
      Com certeza passarei em seu blog, no entanto não sei se será possível tomar o café :-) Pelas razões virtuais que você certamente compreenderá.
      Um abraço. Fique na paz de Jesus Cristo.

      Eliminar

Seus comentários são importantes para o blog. Deixe sua apreciação negativa ou positiva, mas não seja neutro.

Reservo-me no direito de não publicar comentários anónimos, caso entenda como necessário ou qualquer outro tipo de comentários que saia da orientação do blog.
Qualquer tipo de comentários que traga linguagem abusiva ou ofensiva de igual modo serão descartados.